{lang: 'en-US'}

BTemplates.com

quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

DICAS DE ESTRATÉGIA / FINAL. Parte3

DICAS DE ESTRATÉGIA – iniciantes e experientes / parte3



O Final

O final é o momento culminante da beleza e da dificuldade: abóbada delicada que arremata e fecha a construção enxadrística. De corte sóbrio – em virtude da simplificação já operada – de aspecto fácil na aparência, o final encerra, todavia, as sutilezas mais profundas da Arte de Caissa. No dizer de todos os mestres, é a fase mais difícil da partida de xadrez. Isto deve aos dois fatores fundamentais:
1) A extraordinária relevância que o fator tempo adquire: a perda de um único tempo pode significar a derrota ou fuga duma vitória certa.
2) A necessidade absoluta de um plano único, preciso e satisfatório, ao qual deve estar subordinado todos os lances.
Os Elementos de Xadrez
Os elementos de xadrez – espaço, material, desenvolvimento, segurança do rei e a estrutura dos peões – são as bases do jogo. Ao entender esses elementos individualmente, seus conhecimentos de xadrez aumentam d e modo considerável. É claro que entendê-los isolados uns dos outros é mais fácil do que o fazer em conjunto.
Infelizmente, os elementos estão sempre interagindo entre si – como se fossem gases voláteis. Ora um elemento é bem mais importante do que todos os outros comnbinados ora há um equilíbrio dinâmico entre todos eles. Quando você coseguir compreender a relação de cada elemento com os outros – em qualquer dada posição, terá se aproximado da maestria no xadrez.
Espaço
O espaço talvez seja a fronteira final para alguns de vocês, mas é um elemento essencial no mundo do xadrez. O xadrez, na verdade, é um jogo de conquista de espaço. Se tudo estiver igualado, o jogador que controlar a maior parte do espaço controla a partida: é mais fácil manobrar as peças quando você tem espaço. Quando não, nem sempre poderá levar suas peças para o lugar certo no tempo certo.
– As Leis do Espaço –
*Use peões centrais para ganhar espaço no começo do jogo.
*Só penetre nas linhas inimigas se puder apoiar as suas peças.
*Não bloqueie os bispos atrás de seus prórprios peões.
*Se estiver restringido, procure um lance libertador.
*Se o adversário estriver restringido, tente evitar lances libertadores.
*Troque peças para aliviar pressão.
*Controle o centro antes de atacar pelos flancos.
*Se o adversário estiver atacando pelo flanco, contra-ataque pelo centro!
*Depois de conseguir controlar uma casa no território inimigo, tente ocupá-la com um cavalo.
*Durante a fase final do jogo, o rei geralmente deve ser levado para o centro do tabuleiro.
Material
A superioridade material é decisiva quando tudo mais está igual. Se você puder ganhar um peão, geralmente é possível ganhar mais concessões do adversário. Raramente as coisas são iguais no xadrez, e às vezes é impossível avaliar corretamente quando uma vantagem material é mais importante do que qualquer outra vantagem em outro elemento diferente.
As próprias peças podem ganhar ou perder força dependendo do seu posicionamento. Ter um peão avançado no território inimigo pode ser mais importante do que um mísero cavalo enfiado no canto. Os valores das peças são relativas e se alternam durante a partida.
– Materiais –
*Quando estiver na frente no que se refere a material, force as trocas e caminhe para final do jogo.
*Abra as colunas e diagonais, quando possível, para atrair o inimigo e forçar novas concessões.
*Se possível, ganhe material sem sacrificar algum outro elemento.
*Material, usualmente, é mais importante que os outros elementos, portanto, aceite-o se for oferecido – a não ser que tenha uma boa razão para não fazê-lo.
*Se estiver em desvantagem material, evite trocar mais peças, mas não fique passivo.
Desenvolvimento
O desenvolvimento é o elemento de tempo. O Napoleão já disse uma vez:” Se perdermos espaço, podemos recuperar depois, mas, se perdermos tempo, nunca poderemos recuperá-lo.” No xadrez, cada jogador joga um lance de cada vez. Não pode deixar de jogar. Nem todos os lances são iguais, somente aqueles que contribuem para aumentar a mobilidade das peças são considerados lances de desenvolvimento.
Se seu adversário estiver fazendo lances de desenvolvimento, enquanto você apenas fica marcando passo, logo, perderá jogo. Cada lance é um recurso precioso, portanto, nenhum deles deve ser desperdiçado!
A Segurança do Rei
De todos os elementos, a segurança do rei é mais dramático. Se ele estiver em perigo, nada mais importa. Se o monarca receber um xeque-mate, não interessa quantas peças você tem no tabuleiro, é o fim do jogo.
Muitas partidas de xadrez começam com um ou dois lances de desenvolvimentos de peças menores. O próximo passo é geralmente colocar o rei em segurança com o roque, um lance em que o rei fica mais próximo de um dos cantos, o que significa longe das ações das outras peças.
Essa estratégia aparece em inúmeras aberturas que, sob outros aspectos são completamente diferentes. A idéia principal é combater o inimigo após o rei estiver em segurança. Proteger rei com todas as peças não é eficiente; bons jogadores deixam esse cargo para uma ou duas delas e para os peões. O cavalo é um bom defensor, oferece muita resistência aos ataques.
Estrutura dos Peões
Os peões são almas do xadrez porque a mobilidade das peças depende com freqüência do posicionamento dos peões. Segundo a regra geral, a mobilidade é a chave do poder de qualquer peça do xadrez. Essa regra é válida até para o modesto peão. É claro que a sua mobilidade está ligada a capacidade de avançar. Ele não pode atacar a casa imediatamente à sua frente, e, portanto, sua mobilidade depende da ajuda de outro peão. Essa limitação faz com que os peões sejam mais fortes juntos, ou em dupla, mas não sozinho.
Regra para peões
*Procure manter a estrutura de peões intacta.
*Visto que alguns peões precisam avançar, tente manter sua mobilidade ou conserve-os em dupla.
*Se algum peão ficar impedido, use outro para libertá-lo.
*Se tiver um peão isolado, mantenha sua mobilidade; se o adversário tiver um, bloqueie-o!
*Crie um peão passado e, quando possível, um peão passado protegido.
*Avance os peões passados.
*Ataque os peões passados com as peças pessadas.
*Tente avançar com um peão pendente e depois bloqueie.
*Evite dobrar seus peões, mas se não puder evitar, tente trocar um deles.

*Ataque a cadeia de peões na base.

0 comentários:

Postar um comentário